Logotipo do Museu do Imigrante

Salas das Gaitas - 02/09 - Por Museu do Imigrante

Caixa de madeira retangular. Possui fixada sobre ela, por meio de um parafuso, uma superfície redonda, também em madeira.

Nessa superfície há palhetas de acordeon, encaixadas em cavidades, dispostas circularmente. Elas são em formato retangular, em metal e numeradas. Estão disponíveis a de número 24 até a 60. Após a palheta 60 há uma cavidade vazia, depois há mais uma palheta (sem numeração), e após mais uma cavidade vazia.

Entre o início e o fim das palhetas há uma válvula branca circular, presa por um parafuso.

Na parte frontal da caixa, ao centro, há uma alavanca em madeira, que quando acionada emite som. Também constam duas etiquetas.

Uma delas é dourada com borda preta, onde está escrito em letras pretas “MADE IN BRAZIL”. As letras estão levemente apagadas.

A outra etiqueta é prateada e se encontra bastante deteriorada. É possível identificar as seguintes inscrições, em letras pretas: “CIA ACORDEÕES SCALA”; “INDÚSTRIA BRASILEIRA”; “RUA 3 DE OUTUBRO, 120, C POSTAL 129”; “BENTO GONÇALVES RS”, “CGCMF 87 546 644/0001-68”


Largura :22,5cm
Comprimento: 29,9 cm
Altura:8,5cm
Diapasão de sopro cromático Utilizado para afinar os acordeões.

De acordo com Francescon (2017):

“A disposição de notas no teclado pode variar. No Brasil, são dois os sistemas mais utilizados. O etnomusicólogo, Leonardo Rugero Peres (2011) define como sendo “afinação diatônica brasileira” ou “natural”, mais utilizada no sul do país, e a “afinação cromática nordestina” ou “transportada”, mais utilizada no nordeste do paí.

Entendemos que ambas as afinações passaram por um processo de adaptação, de acordo com as necessidades e mudanças das culturas nas quais se inseriram. Sabendo que quanto maior a palheta, mais grave é o som, e quanto menor a palheta, mais agudo é o som que produz, o processo de afinação do acordeão consiste em diminuir o tamanho das palhetas ou substituí-las, de acordo com a necessidade de adequação às frequências pré-estabelecidas para as diferentes notas.

Neste procedimento é utilizado um diapasão para soprar e sugar ar e assim simular a ação de abrir e fechar oinstrumento, bem como ferramentas para raspar as palhetas. Cada botão corresponde a duas palhetas, cujas quais possuem tamanho específico. O par de palhetas é fixado em suportes metálicos, e no caso específico do acordeão diatônico produz uma nota abrindo o fole e uma nota fechando o fole. Uma tira de couro impede a passagem de ar pela palheta que não é acionada. Os suportes de palhetas são fixados em blocos de madeira, conhecidos como conjunto de palhetas ou castelos.” (FRANCESCON, 2017, p. 16)

Confira as imagens abaixo

  • Aparelho de Afinação

Explore mais

  • quadro antigos

    até no Museu do Imigrante

    Clique para ver mais sobre essa exposição.
  • Penico

    Quarto

    até no Museu do Imigrante

    Clique para ver mais sobre essa exposição. penico branco